COMUNICADO Nº 01/2017 – PRESIDÊNCIA

 

Vimos por meio deste comunicado esclarecer que a reintegração dos professores é medida administrativa, ou seja, os professores já foram reintegrados ao sistema do Centro Universitário FIEO - UNIFIEO, não havendo necessidade de procurá-los, nesse momento, individualmente. Repetimos trata-se de uma providência administrativa interna que já  foi tomada em obediência a decisão judicial. 

Os senhores professores que integram o dissídio, não devem retomar suas atividades na sala de aula, pois tal obrigação só existirá no momento em que os salários estiverem em ordem.

Quanto a esses pagamentos, ainda não podemos definir datas, pois dependemos da obtenção de recursos externos, necessários para recompor a situação vivenciada pelo UNIFIEO que ocasionou grande evasão escolar. Dos 5.280 alunos que tínhamos matriculados em dezembro/2016, hoje contamos apenas com 2.623 alunos distribuídos em todos os cursos. 

Em virtude da redução de 50% do corpo discente, 6 cursos foram inteiramente encerrados e, dos cursos restantes, 79 turmas foram fechadas, o que ocasionou a redução ou até a extinção da carga horária de muitos professores. 

Por outro lado podemos afirmar que estamos nos empenhando para trazermos a normalidade ao UNIFIEO o mais rápido possível, a fim de minimizar eventuais desconfortos aos professores grevistas ou não, bem como, tranquilidade aos nossos alunos. 

Finalmente, aproveitando para corrigir comentários não verdadeiros, queremos informar que jamais houve interrupção no convênio com o plano de saúde para qualquer funcionário, professor ou não desta instituição.

 

Registre-se. Comunique-se. Cumpra-se. 

 

Osasco, 18 de abril de 2017 

 

LUIZ FERNANDO DA COSTA E SILVA

Presidente